quinta-feira, agosto 25, 2011


Refluxo acontece em qualquer idade. Cuidado!

5
Hoje vamos falar de assunto muito sério e que prejudica a saúde de muitas pessoas, inclusive dos nossos pequenos bebês. O refluxo! Quem conhece uma pessoa ou já sentiu este mal, sabe do que estou falando e infelizmente sabe-se que existe uma estatística que cerca de 35 milhões de brasileiros sofrem desse mal.



Refluxo é o mal funcionamento da válvula cárdia. Nos bebês acontece pois o organismo do bebê ainda esta em processo de amadurecimento (a válvula está frouxa) então o alimento (o leite) volta do estômago para o esôfago provocando assim o refluxo. E isso pode prejudicar o bebê pois produz desconforto e irritação no bebê.


Funcionamento da válvula cárdia funciona da seguinte forma, a válvula se abre para permitir a passagem do alimento para o estômago e fecha em seguida, impedindo o seu retorno ao esôfago e a boca.

Refluxo tem um conjunto de sintomas, os principais são azia, queimação, dor, desconforto, irritação, enjoo, retorno anormal do conteúdo estomacal até o esôfago que é naturalmente ácido, e prejudica a parede do esôfago.

Para evitar o refluxo você deve ter cuidado com;
A alimentação (se você amamenta ao peito você deve cuidar da sua alimentação, pois você pode comer alimentos que prejudicam o bebê).
Segurar o bebê corretamente após a mamada, deixando-o na vertical por uns 30 minutos (não balance o bebê) mesmo que ele arrote antes dos 30 minutos, fique com ele na vertical (acontece em alguns bebês que mesmo depois de 1 hora após o arroto, ainda regurgita o leite).
Elevar a cama (colchão) para evitar o retorno do refluxo.
Colocar a criança para dormir de barriga para cima.
Nao apertar a fralda na barriguinha, fraldas apertadas fazem pressão no abdome (isso também faz o bebê regurgitar).

O refluxo é comum para os três primeiros meses de vida de um bebê, depois disto é melhor recorrer a tratamentos.

Sinais que podem ser causados pelo refluxo;
Além da queimação há também roquidão ou tosse crônica que podem ser causadas pelo refluxo.
Falta de apetite, perca de peso e choro constante.
Na criança, ainda no primeiro ano de vida, pode ocorrer um refluxo gastro-esofágico excessivo, levando à devolução da mamada, a engasgos, a choro excessivo, a sono interrompido e quando repetitivo, predispõe a infecções e distúrbios respiratórios.

Este problema nao é exclusividade das crianças, adultos também podem ter refluxo.
Em adultos a dor pode ser tão forte, que a pessoa pode achar que estar infartando pois pode sentir dor forte, suar, ficar com pressão baixa.
Os sinais de refluxo em adultos são iguais aos dos bebês, mas podem ser gerados por outras causas; a ingestão de alimentos condimentados, gordurosos, uso do fumo e álcool, mau hábito de alimentação, dormir logo após a refeição (com excesso de comida) são fatores que ocasionam e pioram os efeitos do refluxo.
O melhor a fazer é procurar um médico e fazer exames para determinar a causa do problema e, resolver o mais rápido possível, seja bem claro e específico ao relatar seus sintomas ao médico.

Se você achou este assunto interessante comente, deixe sua opnião e perguntas.

5 comentários:

Scrapbykit disse...

Ei estou por aqui sempre. Obrigada pelo carinho!!
Adorei o post. Por aqui, parece q todo bebê tem refluxo...aff!!
Bjim
Flávia

' Saah :) disse...

Ai, é um dó quando isso acontece, infelizmente são 'regras da vida', como eu digo =/

Beijos!
http://blog-mundo-da-moda.blogspot.com/

Dnise disse...

ola! quem ganhou a promoção dos sabonetinhos????

estou desde o dia 31 acessando pra ver o resultado...

rosy disse...

ei fui ao otorrino hoje e por incrivel q pareça vou fazer exames pra saber se tenho refluxo e eu q pensei q ixo era doença d criança...

Anônimo disse...

Obrigado, por divulgarem esses assuntos,sobre o refluxo pq criei 3 filhos e hoje estou aprendendo o q é o refluxo p/ acompanhar meus netos.De Lucia

Postar um comentário

Oi, obrigada pelos comentários!
Volte sempre!