quarta-feira, outubro 12, 2011


Entrevista com Elinézia do blog Mamãe Moderna

5
Olá Feliz dia das crianças!!! Tudo bem com vocês, como está sendo este feriadão? Muita criança em casa fazendo bagunça? Ahh que delícia... E hoje como é quarta-feira, dia de entrevista com os pais aqui no blog e como também é dia das crianças é com muito prazer que trago uma entrevista para comemorar este dia.
A entrevistada de hoje é a mamãe do Davi de 1 ano e nove meses e esposa do Fabrício é a querida Elinézia que muitas mamães aqui do blog já devem conhecer, ela que é criadora do blog Mamãe Moderna e que sempre está postando algo sobre seu dia a dia e coisas bem legais, ela que no seu blog tenta se resumir em mulher, mãe, esposa, pedagoga, promonauta, blogueira, cristã e dona de 29 de existência, está é Elinézia mas conhecida por Line... mas eu gosto de Elinézia (amo nome diferentes rsrs). Vamos lá a entrevista de hoje...
Mundinho do bebê: Nome e idade?
Elinézia: Elinézia, mas a maioria das pessoas me conhecem pelo meu apelido: Line. Tenho 29 anos.
Mundinho do bebê: Quando criança você sonhava em ser mãe ou era uma coisa que você nem tinha na cabeça quando ficou grávida pela primeira vez, você foi pega de surpresa com a notícia de que estava grávida ou era uma coisa que você estava buscando?
Elinézia: Desde a adolescência eu sonhava em ser mãe e até tinha medo de não poder engravidar. A gravidez foi quase uma surpresa, pois eu havia parado de tomar o anticoncepcional, mas como sempre ouvi histórias de mulheres que demoraram a engravidar por tomar por um longo período, jamais imaginava que fosse engravidar logo no primeiro mês.
Mundinho do bebê: Durante a gravidez você fez curso para grávida, procurou aprender com uma amiga mais experiente ou foi na cara e na coragem?
Elinézia: Oficialmente eu não fiz nenhum curso, mas mergulhei no mundo gestante e pesquisei tanto na internet sobre gravidez e parto que foi praticamente uma EaD.
Sobre o cuidado com as crianças eu não via necessidade de um curso preparatório por dois motivos: sou de uma família enorme e tive muito contato com recém-nascidos; e trabalhei em creche na turma do berçário.
Então, fiz questão de dar o primeiro banho no Davi. O primeiro mesmo, pois ele nasceu em casa.
Mundinho do bebê: Você fez o teste de gravidez, conte um pouquinho o que aconteceu, foi muita emoção?
Elinézia: Fiz. A menstruação já estava bem atrasada e como era Dia das Mães eu queria comemorar caso estivesse gravida! Então fizemos o teste de farmácia e deu positivo!
Mundinho do bebê: Você amamentou? Foi difícil a pega do bebê ao peito ou foi super rápido?
Elinézia: O Davi está com 1 ano e 8 meses e eu ainda amamento. A pega não foi muito difícil, chegou a machucar um pouquinho, mas nada de sangramento. Mas no dia que o leite desceu mesmo foi difícil, pois meus seios ficaram muito doloridos e enormes! A impressão era que eles começaram do pescoço! Rs. Não me adaptei com o aparelhinho de ordenha, fazer manualmente é bem melhor. Qualquer sacrifício nesse sentido vale muito a pena, amamentar é bom demais, ajuda a criar um vínculo muito gostoso com o bebê. Além disso, é prático, rápido, econômico e, entre outras vantagens, ainda ajuda a mãe a voltar ao peso... Perfeito!
Mundinho do bebê: Conte uma situação que te levou ao desespero quando seu filho ainda era muito pequeno?
Elinézia: Causar desespero não causou, porque também sou uma pessoa pra lá de calma, mas nos primeiros dias o Davi teve vômito, não era frequente, mas quando ele vomitava, ficava muito mal, pálido, sem ar...
Cama compartilhada nem passava na minha mente, mas também por causa disso, ficamos com receio de deixa-lo no berço em seu quarto, e ele dorme com a gente desde o primeiro dia.
Mundinho do bebê: Qual a doença mais grave que seu filho já teve e como foi o tratamento?
Elinézia: Ele nunca teve nada grave, apenas uma virose que passou em uma semana. Como ele teve muito vômito e diarreia, o tratamento foi caprichar na hidratação.
Mundinho do bebê: Qual foi a experiência mais significativa para você durante os primeiros meses do bebê.
Elinézia: Essa pergunta é difícil de responder, pois cada momento depois do nascimento é muito significativo, a gente comemora o primeiro sorriso, o primeiro abraço, o primeiro beijo, os primeiros passos, o primeiro ‘mã’... tudo!
Mundinho do bebê: Dicas que você daria a uma mãe de primeira viajem em relação ao parto?
Elinézia: Em relação ao parto, é mais do que provado que o parto natural é melhor para a mãe e para o bebê, então a minha dica é “acredite” e deixo um trecho dessa música: “Não há o que temer, embora o medo exista em nós, mas a fé nos faz mover montanhas, com poder. Pode um milagre, enfim, acontecer, quando você acreditar. A esperança em ti ninguém jamais irá matar, depende só se tu quiseres crer”.
Mundinho do bebê: Em relação ao primeiro dia do bebê?
Elinézia: No primeiro dia com o seu bebê não avise que ele nasceu, ou não receba visitas. É um momento muito íntimo, você vai ficar babando em cima da sua cria, vai ficar grudatinha nele, não vai querer ficar dando atenção para visitas! Curta esse momento só vocês, depois vai ter muito tempo de espalhar por aí que nasceu o bebê mais lindo do mundo!
Como o Davi nasceu dia 31/12 eu recebi a família inteira em casa para a virada do ano. Acredita?! Mas com certeza, eu farei diferente da próxima vez!
Mundinho do bebê: Em relação ao sono da mãe?
Esse negócio de dormir é besteira. Esquece! Você vai demorar a entender novamente o que significa dormir mais de 4 horas seguidas! Então, se mesmo com sono picadinho você conseguir ter ânimo para ficar acordada apenas por preocupação de algo acontecer com o seu bebê. Parabéns! Em todo caso, por preocupação, ou para facilitar a vida, oferecer segurança e conforto para o seu bebê, minha dica é: cama compartilhada!
Mundinho do bebê: Depois da chegada do seu baby o que aconteceu, quais foram as mudanças? E em seu corpo você sentiu uma mudança depois do parto?
Elinézia: O que mudou é que parei de trabalhar para me dedicar ao meu filho. Não foi muito difícil tomar essa decisão, pois o valor do meu salário não compensava as vantagens de eu ficar em casa com meu filho. Eu fazia muita questão de amamentar exclusivamente até os 6 meses, de não dar mamadeira, de não dar chupeta, e tudo isso é muito difícil na creche.
Durante a gravidez eu engordei 11,5kg, e depois do parto eu voltei rapidinho para meus 48kg, mas a minha pele é péssima, e mesmo tendo voltado ao peso, minha barriga ficou toda mole e com algumas estrias, como sou branquinha, as estrias “se camuflaram” e não dá muito para perceber. Agora ganhei num concurso cultural um tratamento de Manthus e a flacidez de pele está melhorando muito! =)
E já que estamos falando de mudança no corpo, sei que muitas mulheres (e homens) se preocupam com o sexo após o parto vaginal. Eu não tive episiotomia, mas como eu estava com uma pequena irritação, houve laceração que não foi muscular, foi apenas de pele, que nem precisava, mas eu preferi que fosse suturada. Olha, me senti como virgem novamente. Sério! Que besteira essa preocupação de achar que você vai ficar “larga”!
Mundinho do bebê:  A sua idade interferiu em algum momento? Você achava está preparada para tudo ou as vezes batia aquela sensação que ia dar alguma coisa errada?
Elinézia: Tive filho com 27 anos e depois de 4 anos de casamento, acho uma idade muito boa! Fui muito confiante que daria tudo certo durante a gestação inteira, o pré-natal e os exames confirmavam que tudo estava indo muito bem, mas na hora do parto acaba dando um medinho!
Sabe aquele sentimento de ansiedade, nervosismo que dá quando vai chegando perto do horário de um primeiro encontro com alguém?! Senti exatamente isso, com o agravante que teria certeza de paixão a primeira vista e que seria alguém a quem me dedicaria o resto da vida!
Mundinho do bebê: Quem ou quais foram as pessoas que mais te ajudaram neste tempo entre a gravidez, parto e os primeiros dias do bebê?
Elinézia: Durante a gravidez o pessoal do trabalho me ajudou bastante e fui bastante e poupada por estar grávida. Durante o no parto, sem ser a parteira, quem me ajudou foi o meu marido, que foi meu “doulo”, ficou comigo o tempo todo. Durante os primeiros dias do bebê foi a minha mãe que cuidou de mim e da minha casa enquanto eu paparicava meu filho!
E aí meninas gostaram da entrevista? Eu amei! Mas, você acha que acabou...na na ni na não ainda tem maisss... agora a Line vai compartilhar umas das emoções mais forte que ela sentiu na vida conosco, ela nos cedeu o video do parto dela, que eu particulamente quando conheci o blog Mamãe Moderna vi umas 4 vezes seguidas e me emocionei muito. Vamos ver!!!

E se você quiser ler as lindas palavras que relatam o parto da Line é só visitar aqui o blog e ler tudinho.

Mundinho do bebê: Line obrigada por está linda entrevista tenho certeza que todo mundo que ler vai gostar e se deliciar com suas palavras, com seu parto e relato... Deus te conceda mais sabedoria para criar e levar o pequeno Davi pelos caminhos do Senhor e que você e sua família seja muito feliz. Deus te abençõe!

Elinézia: Eu que agradeço o convite, tenho certeza que será um prazer compartilhar um pouquinho de mim para vocês. Adorei participar! Espero que minha experiência possa ajudar as pessoas que passam aqui no Mundinho do Bebê. Beijocas!

Mundinho do bebê: Bom, amigas leitoras que hoje seja um lindo dia para vocês e suas crianças e até mais.

5 comentários:

Coisas de Tássia disse...

Adoro as entrevistas!!! Bjos!!!

Pequenos Mimos disse...

que máximo, to indo lá conhecer o cantinho dela.
bjs

Raíssa (: disse...

Amei a entrevista da Line!
Parabéns a ela e ao mundinho do bebê pela iniciativa :)

beijos


http://noostillo.blogspot.com

Cléo Moretti disse...

Nossa Line,

A cada dia que passa, conheço mais um pouquinho de você.
Adorei sua entrevista.

Bejocas no Davi

Cléo Moretti
http://www.donamaricotafeliz.blogspot.com.br/

Bolla de Sabão disse...

Olá
Vamos fazer uma parceria?
Que tal um sorteio com nossos produtos?

Postar um comentário

Oi, obrigada pelos comentários!
Volte sempre!